Sergio Moro e ministros do Mercosul participam de encontro na Itaipu

Sergio Moro e ministros do Mercosul participam de encontro na Itaipu

09h36 - 06/11/2019

O ministro da Justiça e Segurança Pública do Brasil, Sergio Moro, estará na Itaipu Binacional nesta quarta (6) e quinta-feira (7) para participar da 50ª Reunião de Ministros da Justiça do Mercosul e Estados Associados e a 44ª Reunião de Ministros do Interior e da Segurança do Mercosul e Estados Associados. Será a primeira visita de Moro à Itaipu, após sua nomeação como ministro.

A binacional e o Parque Tecnológico Itaipu (PTI) serão os anfitriões dos eventos e Moro presidirá as reuniões. Desde julho, o Brasil responde pela presidência temporária do Mercosul.


O ministro da Justiça e Segurança Pública do Brasil, Sergio Moro, estará na Itaipu nesta quarta e quinta-feira. Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Nesta quarta-feira (6), os ministros – incluindo Sergio Moro –  e chefes de polícia visitarão as instalações do primeiro Centro Integrado de Operações de Fronteira, que está sendo instalado no PTI, com apoio de Itaipu. O projeto estratégico do Ministério da Justiça e Segurança Pública deve ser inaugurado em dezembro. Também estará presente o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general Joaquim Silva e Luna.

O centro pretende intensificar a segurança na região e fortalecer o combate ao tráfico de entorpecentes e armamentos. A unidade terá agentes da Polícia Rodoviária Federal, da Receita Federal, da Polícia Federal e das Forças Armadas, além de representantes das polícias locais e os demais países da região. O escritório de inteligência também será o responsável por articular operações conjuntas com países vizinhos nas fronteiras.


O Centro de Informações sobre Contraterrorismo do Arizona, um dos fusion centers norte-americanos. Foto: FBI

A iniciativa é inspirada nos Fusion Centers, estruturas do governo norte-americano que integram forças de segurança de diversos níveis (local, estadual e federal). Em Foz, o escritório vai funcionar em uma área do Parque Tecnológico de Itaipu por cinco anos. A hidrelétrica vai bancar os custos iniciais, de R$ 3 milhões. Depois será erguido um prédio para tornar o projeto definitivo.

Na quinta-feira (7), as autoridades se reúnem para a 50ª Reunião de Ministros da Justiça do Mercosul e Estados Associados e da 44ª Reunião de Ministros do Interior e da Segurança do Mercosul e Estados Associados, no Edifício das Águas, no PTI. À tarde, Moro e Silva e Luna participam de uma coletiva de imprensa.

Antes, de segunda (4) e até quarta-feira (6), acontecem reuniões prévias, de grupos de trabalho formados por técnicos e chefes de polícia dos ministérios da Justiça e de Segurança dos países-membros do Mercosul e Estados Associados. Ainda na quarta ocorre também a 23ª Reunião de Chefes de Polícia e Forças de Segurança.

Desafios conjuntos


Os ministros do Interior e de Segurança do Mercosul se reuníram em Buenos Aires, em junho. Foto: Ministério da Segurança da Argentina

Segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), os encontros pretendem “intensificar o debate sobre mecanismos para o fortalecimento da cooperação internacional dos países que compõem o bloco”. Desta forma, espera-se que os resultados auxiliem “na construção de estratégias, programas e projetos de desenvolvimento conjunto” para o bloco e, em especial, ajudem a resolver problemas de fronteiras.

A necessidade de aprimorar a cooperação nas áreas transfronteiriças será tema dos principais grupos de trabalho das reuniões de ministros. São eles: Assuntos Penitenciários, Foro Especializado Migratório, Foro Especializado em Terrorismo, Reunião da Comissão Nacional de Refugiados, Grupo de Trabalho Delitual e Reunião de Chefes de Polícia.

O JIE Publicou

Autoridades do Mercosul debatem mecanismos de cooperação na área da segurança

Comitê para implantação do Centro de Operações de Fronteira se reúne na Itaipu

Governador e Moro discutem reforço da segurança na fronteira

Versão para impressão