Premiação e confraternização marcam fim de ano dos jovens do PIIT

Premiação e confraternização marcam fim de ano dos jovens do PIIT

10h01 - 18/12/2018

Uma cena comum em sua própria casa - uma mulher passando a roupa enquanto o homem lê uma revista - inspirou a jovem do Programa de Iniciação e Incentivo ao Trabalho (PIIT), Rafaela Bispo dos Santos, lotada na Auditoria Interna (AI.GB), a apresentar sua foto no concurso do PIIT, na categoria fotografia. Ela e os outros vencedores, na fotografia e redação, foram premiados durante a confraternização de fim de ano do programa, na última sexta-feira (14), no Recanto Gaúcho, em Foz do Iguaçu.

Os três primeiros colocados nas duas categorias levaram prêmios para casa.

“É muito comum esta cena da mulher fazendo as tarefas de casa e o homem sentado no sofá. Lá em casa é assim”, disse a jovem que levou o primeiro lugar no concurso de fotografia. Na categoria redação, o vencedor foi Otávio Alexandre de Andrade, da Divisão de Seleção e Acompanhamento (RHDA.AD). O concurso, que tinha como tema “Equidade de Gênero”, premiou os três primeiros colocados de cada categoria.

Otávio e Rafaela foram os primeiros na redação e na fotografia, respectivamente. 

Segundo o coordenador do PIIT, Vinícius Ortiz de Camargo, o concurso tem como maior objetivo fazer os jovens refletirem sobre o tema proposto, além de incentivá-los a se expressar por meio de uma linguagem – foto ou texto. “Ajudamos a fazer com que eles refletissem sobre um tema importante, a equidade de gênero, que faz parte dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável”, afirmou.

Para Ortiz, concurso ajuda os jovens a se expressarem com alguma forma de linguagem. 

Para participar do concurso, os jovens tiveram oficinas sobre o assunto, além de cursos sobre educação e sexualidade baseados em questões pregadas pela Unesco e pelo Unicef. “Eles estão em uma idade em que é importante trabalhar questões de relacionamento interpessoal, empatia, aspectos sociais, entre outros”, complementou o gerente da RHDA.AD, o psicólogo Werner Braga.

Confraternização

Durante toda sexta-feira, os jovens do PIIT deixaram seus compromissos de lado para se divertir e relaxar. Teve banho na piscina, jogos de vôlei e futebol, descanso na rede e o autêntico almoço gaúcho. “Muitos jovens são de áreas diferentes e não têm oportunidade para se encontrar. Este é o momento para eles interagirem”, considerou Ortiz. Participaram 138 adolescentes do PIIT, 10 supervisores, além das equipes do RH e das áreas e programas parceiros.

Adolescentes aproveitaram o tempo quente, para se refrescar na piscina.

Para Ortiz, a confraternização também é o momento de agradecer o apoio dos vários parceiros do programa, como Guarda Mirim, Programa Vira Vida, Rede Proteger, Responsabilidade Social de Itaipu, entre outros. “Foi um ano bastante favorável. A gente enriqueceu e fortaleceu articulações com a rede assistencial do município, melhorou os procedimentos de atendimentos dos adolescentes, conseguimos implementar uma série de oficinas. Isso tudo fez o programa ganhar mais robustez”, listou.

A turma do baralho só quis saber da jogatina. 

Concurso

Participaram do concurso de fotografia 15 jovens fotógrafos(as) que ilustraram em imagem o tema da equidade de gênero. Na redação, foram 71 participantes – a nota média foi de 646 pontos (14 participantes tiveram nota acima de 800). “O concurso tem um propósito por trás: o aprendizado. São premiados alguns, mas este trabalho rendeu resultado em cada um dos participantes”, afirmou o superintendente de RH, Luciano Castro Lopes.

Antonio Machado (RHDA.AD) e Luciano Castro entregam premiaçao para Otávio.

“Aprendi bastante coisa durante as oficinas, tive que pesquisar sobre o tema. Aprendi que a desigualdade, mesmo que não seja perceptível, às vezes está muito próxima da gente”, disse o jovem Otávio, vencedor da redação. Ele diz gostar do tema, e acreditar que a equidade de gênero está muito além da dicotomia homem e mulher, mas atinge todos os gêneros, inclusive algumas bandeiras da comunidade LGBTI+.

Supervisores participaram da premiação. 

De premiação, Rafaela ganhou uma máquina fotográfica e Otávio, um notebook. Os outros classificados foram, na redação: Amanda Vitória Marques de Oliveira, da AS.FE (2º), e Diego Fernando Oliveira Machado, que trabalhava na MTAA.DF (3º); na fotografia: Jaqueline da Silva, que atuou na AS.GB  (2ª), e Isabella Benites Pereira de Souza, da MTAB.DF (3ª).

Veja mais fotos:







Versão para impressão