Cuidados no trânsito: Itaipu apoia a iniciativa Maio Amarelo

Cuidados no trânsito: Itaipu apoia a iniciativa Maio Amarelo

11h06 - 08/05/2019


Banner da campanha Maio Amarelo 2019. Crédito: Divulgação.

Instituições de todo o país mobilizam-se neste mês de maio em prol da conscientização para a redução dos acidentes de trânsito. É o Movimento Maio Amarelo, que na campanha deste ano lança mão de crianças chamando a atenção dos adultos para os cuidados básicos no dia a dia nas ruas: respeito à sinalização, menos velocidade, cuidado com pedestres e ciclistas, não usar celular enquanto dirige, entre outras atitudes essenciais.

Clique aqui para ver o vídeo da campanha.

A alusão ao mês de maio é por conta da campanha da Organização das Nações Unidas (ONU) pela redução dos acidentes de trânsito. Em 11 de maio de 2011 foi declarada a Década de Ação para Segurança no Trânsito, que se estende até 2020.

O tema também está presente na Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, no ODS 3, que visa a “assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades”, e que inclui a meta: “Até 2020, reduzir pela metade as mortes e os ferimentos globais por acidentes em estradas”.


Campanha Maio Amarelo 2019. Crédito: Divulgação.

No Brasil, embora tenha havido uma redução no número de mortos em acidentes nas capitais (conforme estudo divulgado no ano passado pelo Ministério da Saúde), o país ainda segue longe de reduzir os óbitos pela metade, conforme a meta estabelecida pela ONU.

Outro estudo feito pelo Observatório Nacional de Segurança Viária indica que o país perdeu cerca de R$ 720 bilhões em 20 anos do Código Brasileiro de Trânsito, por conta de acidentes de trânsito. Esse valor representa 12% do PIB nacional e seria suficiente para pagar cinco anos de despesas da Previdência Social.

Daí a importância da Itaipu também reforçar os cuidados no trânsito a seus colaboradores. “Não podemos nos preocupar com a segurança apenas no exercício das atividades profissionais, uma vez que acidentes de trânsito também trazem consequências para os colegas, suas famílias, empresa e sociedade. É um impacto que vai muito além da perda de um profissional qualificado”, explica o presidente da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa), Alexandre Missael Kozerski.

A divulgação do Maio Amarelo já teve início com a utilização de um painel de led junto à barreira de controle, desde o início do mês, especialmente nos horários de maior movimento, no início e fim do expediente. Outras atividades serão realizadas ao longo do mês e serão divulgadas aqui no JIE.

A campanha

O Movimento Maio Amarelo nasceu com a proposta de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil. A intenção é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para, fugindo das falácias cotidianas e costumeiras, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

 

 

Versão para impressão