Vianna tá na área! Diretor-geral brasileiro começa giro de visitas pela empresa

Vianna tá na área! Diretor-geral brasileiro começa giro de visitas pela empresa

09h24 - 27/11/2017

Visita ao Laboratório de Concreto, que no ano que vem completa 40 anos. Estrutura ajuda a cuidar da saúde da barragem.

O diretor-geral brasileiro de Itaipu, Luiz Fernando Leone Vianna, abriu na última semana uma nova etapa no esforço de aproximação da alta direção com os empregados. Na tarde de quinta-feira (23), ele percorreu duas estruturas importantes da binacional – o Laboratório de Concreto, da Diretoria Técnica, e o Almoxarifado, da Diretoria Financeira.

No dia anterior, Vianna também visitou as futuras instalações do Centro de Inovação em Mobilidade Elétrica Sustentável (CI-MES).

A ideia, de acordo com o diretor-geral, é passar por uma nova área da empresa sempre que a agenda permitir. Com isso, poderá conhecer melhor a estrutura e, especialmente, as pessoas que trabalham nesses locais.

DGB acompanhou teste de tração do vergalhão, para verificar a qualidade do aço empregado no concreto armado.

A nova ação complementa outras duas criadas pelo diretor desde que assumiu o cargo, no final de março: o Bate-Papo com Vianna (presencial) e o Fale com o Vianna (virtual, por e-mail).

“As visitas têm dupla finalidade: conhecer as áreas e conhecer as pessoas. E a cada dia eu me surpreendo mais com o que vejo. A gente nota que, evidentemente, temos boas instalações; e que as pessoas têm orgulho pelo trabalho que fazem”, afirmou.

No setor de almoxarifado, Vianna cumprimenta o aniversariante do dia: Rafael Pasini (MTSE.DF).

Fábio Luiz Willrich, do Laboratório de Concreto: visita motiva e faz com que a equipe se sinta mais valorizada no trabalho.

“Acho que esse é um dos fatores de sucesso que fazem com que Itaipu atinja resultados tão importantes, como o recorde de geração, no ano passado, e a produção acumulada de 2,5 bilhões de MWh, nesta semana. Fiquei realmente muito impressionado”, completou o DGB.

Na quinta-feira, o diretor-geral estava acompanhado pelo assessor especial, Ricardo Lisboa de Faria, e pela assistente Elizete Medeiros. No Laboratório de Concreto, Vianna foi recebido pelo superintendente de Obras (SO.DT), Antônio Carlos Fonseca, e equipe.

Um dos galpões utilizados pelo almoxarifado. Cada área tem característica específica - como controle de umidade e controle de temperatura.

No G3, dez contêineres armazenam as barras estatóricas sobressalentes, que podem ser incorporadas às unidades geradoras.

“Foi muito bacana receber o diretor-geral. Isso motiva e faz com que a equipe se sinta mais valorizada no trabalho”, enfatizou um dos responsáveis pelo laboratório, o engenheiro civil Fábio Luiz Willrich (SOCC.DT).

No Almoxarifado, Vianna percorreu os galpões ao lado do superintendente de Materiais, José Roberto Dutra (MT.DF), e equipe, e do diretor financeiro executivo, Marcos Stamm.

“Esse tipo de ação do diretor-geral é muito interessante porque demonstra, para todos os empregados, de todas as áreas, a importância de cada um no processo produtivo da empresa. E mostra que todos são essenciais para atingir os objetivos”, disse o gerente da Divisão de Almoxarifado, Fabrício Rocha (MTAA.DF).

Fabrício Rocha : ação demonstra, para todos os empregados, a importância de cada um no processo produtivo da empresa.

Bate-papo

As visitas de quinta-feira foram feitas no mesmo dia do último Bate-papo com o Vianna do ano. A atividade, no período da manhã, ocorreu durante um passeio de catamarã pelo reservatório de Itaipu.

“Foi um ambiente muito agradável e acho que as pessoas se soltaram mais. A ideia é que as pessoas tenham liberdade para falar e eu tenha liberdade para responder”, disse, garantindo que a iniciativa prossegue em 2018. “Essa é uma experiência que veio para ficar.”

Quer saber como foi o último Bate-papo com Vianna do ano? A IBTV trará detalhes em breve. Aguarde.

O "comandante" Vianna recebeu no catamarã nove colegas de diferentes áreas da empresa para o último bate-papo do ano com os empregados.

Versão para impressão