Dicas do Reviver: reação a medicamentos

Dicas do Reviver: reação a medicamentos

14h49 - 03/09/2007
Qualquer medicamento pode causar reação adversa no organismo, mesmo aqueles que não precisam de prescrição médica para compra, como é o caso dos analgésicos e complexos vitamínicos. Essas reações podem ser divididas em dois tipos .O primeiro causa a intensificação dos efeitos farmacológicos ou terapêuticos, o segundo afeta as pessoas com hipersensibilidade ou alergia à droga. 
A alergia pode surgir de repente. É possível que uma pessoa tenha utilizado um mesmo medicamento diversas vezes sem nunca ter apresentado reação alérgica e, um dia, ao usá-lo novamente, demonstre hipersensibilidade. Em pessoas hipersensíveis a droga pode deflagrar uma reação alérgica mesmo em pequenas quantidades. A reação pode variar de um pequeno incômodo até um processo grave que põe em risco a vida da pessoa.
Reações leves geralmente são tratadas com anti-alérgicos (antihistamínicos), enquanto as reações graves, que envolvem risco à vida do paciente podem exigir medicações mais potentes de uso hospitalar .
Pessoas com alergia a medicamentos devem sempre informar ao médico. O médico precisa saber, também, se a pessoa está tomando alguma medicação.
Usar um colar ou pulseira com informações para alertar aos médicos em caso de emergência é importante, principalmente em casos de reações alérgicas graves, problemas clínicos sérios ou uso de medicamentos de alto risco.
Versão para impressão