Notícias de Itaipu
Itaipu recebe comitiva da ESG
19/09/2014 | 17h25

Grupo posa para foto oficial no Mirante Central, parada obrigatória para as pessoas que visitam Itaipu.

   

Uma comitiva do Curso de Altos Estudos de Política e Estratégia (Caep), da Escola Superior de Guerra (ESG), participou, nessa quinta-feira (18), de uma visita técnica à usina hidrelétrica de Itaipu.

   

O grupo foi recebido no Auditório Integração pelo diretor-geral brasileiro em exercício, Airton Dipp, e pelo chefe da Assessoria de Informações (IN.GB), Carlos Roberto Sucha, que falou aos militares sobre o empreendimento binacional e a influência da usina na matriz energética brasileira.

   

O diretor-geral Airton Dipp deu as boas-vindas à comitiva da Escola Superior de Guerra.

   

Público formado por mais de 80 pessoas lotou o Auditório Integração, no Centro de Treinamento.

    

Da comitiva participaram mais de 80 pessoas, entre diretores da escola, coordenadores, consultores, equipe de apoio e estagiários.

     

A visita integra uma viagem de estudos dos estagiários do Caep. Além de Foz do Iguaçu, o grupo também passou por São José dos Campos e Gavião Peixoto, no Estado de São Paulo. O retorno está programado para este sábado (20).

     

O chefe da Assessoria de Informações de Itaipu Binacional, coronel Carlos Roberto Sucha entrega lembrança da visita ao diretor do Caep, o contra-almirante da Marinha Petrônio Augusto Siqueira de Aguiar.

     

O coronel engenheiro aeronáutico Augusto Luiz de Castro Otero fala durante a visita.

    

O que é

   

A ESG é um instituto de altos estudos de política, estratégia e defesa, integrante da estrutura do Ministério da Defesa. Com sede no Rio de Janeiro, destina-se a desenvolver e consolidar os conhecimentos necessários ao exercício de funções de direção e assessoramento superior para o planejamento da defesa nacional, nela incluídos os aspectos fundamentais da segurança e do desenvolvimento.


Caminhada em Foz do Iguaçu ajuda a divulgar a fibrose cística. Participe!
19/09/2014 | 14h54

O Instituto Unidos pela Vida e a Associação de Corredores de Foz do Iguaçu (Acorrefoz) promovem, neste domingo (21), a partir das 8h, a 2ª Caminhada pelo Dia Mundial da Fibrose Cística – também conhecida como doença do beijo salgado.

     

A atividade, que tem o apoio do Programa Força Voluntária, de Itaipu Binacional – entre outras instituições parceiras –, faz parte de um ciclo de caminhadas em 17 cidades de todo o Brasil. Neste ano, o lema será “Doe esperança e saúde”.

     

Em Foz, a largada será em frente à sede da Associação de Moradores da Vila A (Amva), com percurso de cinco quilômetros. Não é preciso fazer inscrição para participar, basta comparecer ao local marcado. A única recomendação é vestir uma camiseta da cor verde – que é a cor da esperança.

       

O objetivo da caminhada, segundo o Instituto Unidos pela Vida, é divulgar a existência da fibrose cística que, segundo dados do Ministério da Saúde, acomete um em cada dez mil nascidos vivos.

       

A fundadora da entidade, Verônica Stasiak Bednarczuk, que é portadora da doença, disse que as ações de divulgação ajudam no diagnóstico precoce e o tratamento adequado. No entanto, segundo ela, ainda há um grande desconhecimento da comunidade médica sobre o assunto.

      

“Muitos portadores acabam sendo tratados apenas por conta de seus sintomas, que são muito semelhantes aos de outras doenças, como pneumonia, tosse crônica, desnutrição e diarreia”, explicou Verônica, em texto divulgado pela assessoria de imprensa da instituição.

    

Serviço

    

2ª Caminhada Brasileira em prol do Dia Mundial da Fibrose Cística em Foz do Iguaçu

    

Data: 21 de setembro.

Horário: 8 horas.

Local: Sede da Associação de Moradores da Vila A – Amva.

Apoio: Associação de Moradores da Vila A (Amva), Força Voluntária da Itaipu Binacional, Sesi, Cia. do Riso, Hospital Ministro Costa Cavalcanti (HMCC) e Associação de Corredores de Foz do Iguaçu (Acorrefoz).

    

Para conhecer mais um pouco sobre a fibrose cística, clique em Leia Mais.


Programa Reviver comemora 20 anos e convida ao Espaço do Bem-Estar
19/09/2014 | 11h05

No corre-corre diário, muitas vezes faz falta aquela pausa. Levantar-se, alongar o corpo ou participar das ginásticas laborais são atitudes sempre bem-vindas. Por isso, em seu aniversário de 20 anos, o Programa Reviver convida: faça uma pausa para refletir sobre a qualidade de vida.
           

Fita cortada: vá ao Espaço do Bem-Estar. Nesta sexta (19), atividades acontecem dentro do Escritório Central.

       
Esta é a proposta do Espaço do Bem-Estar, aberto na manhã dessa quinta-feira (18), no estacionamento do Escritório Central. Participaram da cerimônia empregados de várias áreas, integrantes do Reviver e o diretor-geral brasileiro em exercício, Airton Dipp. O espaço funciona até sexta-feira (19), mesmo com chuva. Em Curitiba, o evento aconteceu na terça e quarta-feira.
          

Para Eliane, espaço é um convite para uma pausa.

          
“Encontrar o equilíbrio do bem-estar com a correria do dia a dia é desafiador, mas é importante darmos uma parada para refletir, relaxar e deixar a inspiração vir com leveza”, disse a coordenadora do Reviver em Foz do Iguaçu, Eliane Ventura. (veja o vídeo, com o convite do Reviver e algumas atrações do espaço)
         

Programas do Reviver se encontram no Espaço do Bem-Estar.

       
"Todos conhecemos os programas sociais da nossa empresa, por isso, neste dia, cabe à direção parabenizar a área de segurança e medicina do trabalho pelos 20 anos do Reviver", disse Dipp.
          
Pausa para a música
          

Os jovens se reúnem para ensaiar nas segundas e quartas-feiras, das 14h às 16h30 na Casa do Coral. Todo participante do PIIT está convidado a participar.

         
Na cerimônia, o grupo musical do PIIT soltou a voz com músicas de Tim Maia e Almir Salter. “Não temos profissionais, basta querer cantar”, disse a coordenadora do grupo, Elisângela Leite, que também é pianista do Coral de Itaipu.
        

Na flauta transversal, Matheus de Moraes, lotado na OD.CD, arrasou na interpretação de Somewhere Over the Raimbow, de Harold Arlen. “Comecei a praticar na igreja, há mais de três anos. Ensaio toda semana”, disse o jovem que, além do grupo do PIIT, se apresenta nos cultos da Assembléia de Deus.

        
Para saber mais todas as atrações do Espaço do
Bem-Estar, clique em Leia Mais.


Cice abre seminários sobre a ISO 50.001
19/09/2014 | 10h37

Seminário reuniu especialistas do setor para falar sobre melhores práticas de gestão de energia.

    

A Comissão Interna de Conservação de Energia (Cice) de Itaipu Binacional promoveu, nessa quarta-feira (17), no Centro de Recepção de Visitantes (CRV) da margem paraguaia de Itaipu, em Hernandarias, um seminário sobre a ISO 50.001, certificação internacional relacionada às melhores práticas para a gestão da energia.

    

Participaram do evento, voltado para profissionais da Itaipu, representantes de universidades da região, especialistas como George Alves Soares, da Eletrobras, e Lucio Soares Herculano, do grupo Coelba/Neoenergia. O engenheiro Jorge Flecha, de Itaipu, falou sobre as perspectivas de eficiência energética no Paraguai.

     

A atividade faz parte de uma série de ações para promover a ISO 50.001 – que incluiu um treinamento de dois dias, na última semana, em Foz do Iguaçu, com representantes da Assessoria Corporativa de Novos Negócios em Eficiência Energética da Eletrobras.

    

O colega Jorge Flecha falou sobre as perspectivas de eficiência energética no Paraguai.

     

Nesta quinta-feira (18), outro seminário sobre o assunto será realizado na capital do Paraguai, na Universidade Nacional de Assunção (UNA), com transmissão por videoconferência para todos os países que pertencem à Rede Latino-Americana e do Caribe de Eficiência Energética (RED-LAC-EE), ligada à Organização Latino-Americana de Energia (Olade).

   

O que é

   

A ISO 50.001 foi lançada internacionalmente em junho de 2011, pela International Organization for Standardization, na Suíça, e ganhou uma versão nacional no mesmo ano, com a publicação da NBR 50.001, pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). O documento traz orientações para que as empresas tenham processos eficientes de gestão de energia, com avaliação de desempenho e melhoria contínua.

    

O JIE publicou

   

Cice: colegas têm capacitação da ISO 50.001

     

Cice promove série de eventos para divulgar norma sobre gestão de energia


Brigada curitibana busca voluntários
19/09/2014 | 09h49

Arte criada pela Divisão de Imagem Institucional para a campanha. Clique aqui para ver em tamanho maior.

 

A Brigada de Emergência de Curitiba está em busca de voluntários para reforçar o seu time, formado por colegas da Itaipu e da Fibra. A meta é ampliar o número de brigadistas de 23 para 33, para que haja ao menos um deles em cada andar do Edifício Parigot de Souza.
    
Para participar, não é preciso nada além de boa vontade e disponibilidade para participar de um treinamento, apenas uma vez por ano, de três dias, sempre no mês de novembro. É pouco tempo de dedicação, diante dos benefícios que o brigadista pode proporcionar num eventual aperto. 

     

Exercício de abandono de prédio conduzido por brigadistas, em Curitiba.

   

Os brigadistas são capacitados para atuar em casos de incêndio, abandono de prédio e em situações de primeiros socorros e resgate de pessoas - ensinamentos são levados para a vida pessoal também.

 
“Gostaríamos de ter no mínimo dois brigadistas por andar e hoje temos alguns deles sem nenhum”, disse o
coordenador da Brigada de Curitiba, Luiz Cláudio Costa Barreto, do Departamento de Gestão de Recursos (AFR). Por isso, a prioridade é arregimentar colegas do quarto, oitavo, nono e décimo segundo andares. No segundo andar, há apenas um voluntário ligado ao grupo.

 

Treinamento prático com os Bombeiros.

 

“O que nos move é o sentimento de ajuda ao próximo. E o brigadista não vai usar esse conhecimento somente aqui dentro, mas em todo lugar que estiver”, disse Altair Miguel Rocha, cedido para a Fibra, brigadista desde julho de 2006.

 
“Nosso maior incentivo é nos sentirmos úteis caso, numa situação de emergência, precisemos ajudar e organizar um eventual abandono de prédio de forma tranquila, sem gerar mais intercorrências”, completou.

 
No Parigot de Souza trabalham cerca de 160 crachás-vermelhos, mas cerca de 400 pessoas circulam pelo prédio diariamente. No caso de uma ocorrência, são os brigadistas que podem ajudar a garantir a calma, por exemplo, e fazer uma desocupação ordenada. Embora essa necessidade ocorra hoje apenas em caso de exercício, é sempre bom ter esses “anjos” para ajudar em uma emergência. Que tal contribuir também?

 

Como ser brigadista

 
Entre em contato com Luiz Cláudio Costa Barreto (AFR) por meio do ramal 4067 ou via Notes, lclaudio@itaipu.gov.br.


Bem-Estar mesmo com chuva
19/09/2014 | 08h56

Quem for ao Escritório Central vai ganhar uma série de mimos, como quick massage e reflexologia.

   

O Programa Reviver avisa aos colegas que, por causa da chuva que cai na manhã desta sexta-feira (19), as atividades do Espaço do Bem-Estar foram transferidas do estacionamento para dentro do prédio do Escritório Central (em frente à agência do banco Santander).

    

Apesar da mudança, todas as atividades oferecidas pela equipe do Reviver estão mantidas – como quick massage e reflexologia; oficina de maquiagem; avaliação do estilo de vida; práticas de alongamento e aulas de ritmo, entre outras.

    

Já a Caminhada Saudável, que estava prevista para ocorrer às 17h30, também dentro das comemorações dos 20 anos do Reviver, será realizada em outra data.

   

Veja o vídeo com algumas das atrações do Espaço Bem-Estar.

    

O JIE publicou

       

Programa Reviver comemora 20 anos e convida ao Espaço do Bem-Estar

  
Em Curitiba, Reviver celebra 20 anos

  

Faça uma pausa, celebre os 20 anos do Reviver e reflita sobre a qualidade de vida
 
Recado do rei: celebre o bem-estar


GT quer expandir Agosto Azul
18/09/2014 | 16h10

Cartaz da campanha da Politica Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem.

   

O Grupo de Trabalho Itaipu-Saúde (GT Itaipu-Saúde) pretende levar, em 2015, para todos os municípios do Brasil e Paraguai que estão em área de influência da empresa, a campanha Agosto Azul, que alerta os homens sobre cuidados com saúde.

     

O assunto foi discutido nessa terça-feira (16), no Auditório Integração, durante a 124ª reunião ordinária do grupo. No encontro, autoridades de saúde de Cascavel falaram sobre a experiência do Agosto Azul promovido neste ano naquele município.

    

A gestora do GT Itaipu-Saúde, Luciana Sartori, explicou que a iniciativa faz parte da Política Nacional do Ministério da Saúde brasileiro e foi inspirada nas ações do Outubro Rosa, campanha voltada para a saúde da mulher.

      

Integrantes do Centro de Educação Física Especial; Aída Campis (tênis roxo) é exemplo no grupo.

    

“O Agosto Azul é uma movimentação das instituições de saúde para estimular o homem a fazer exames e ter mais atenção com a saúde, porque, em geral, ele é mais negligente [neste aspecto] que as mulheres”, explicou Luciana.

     

Outros assuntos discutidos na reunião foram a próxima Conferência Municipal de Saúde, de Foz do Iguaçu, e a intenção de criar indicadores de saúde para a tríplice fronteira, que no futuro poderão nortear as ações do GT Itaipu-Saúde.

    

A reunião também recebeu integrantes do Centro de Educação Física Especial (CEFE), da Argentina, que desenvolve oficinas direcionadas a professores e acadêmicos de educação física e fisioterapia.

    

Luciana Sartori, gestora do GT Itaipu-Saúde: desafio é levar Agosto Azul para municípios da região.

   

No dia 27 de maio, integrantes do GT Itaipu-Saúde fizeram uma visita técnica ao CEFE de Monte Carlo, na Argentina, para conhecer de perto o trabalho do grupo – que também mantém unidades nas cidades de Obera, Eldorado, Nueva Esperanza e Posadas.

   

“Estamos planejando oficinas na região [da tríplice fronteira] para mostrar o trabalho desenvolvido com crianças, jovens e adultos com necessidades especiais”, antecipou a gestora do GT Itaipu Saúde.

    

Integrante do centro argentino, a professora Aída Campis é prova de que o trabalho do grupo é eficiente. “Ela foi beneficiada após ter sofrido um AVC. Atualmente, dispensou até a muleta que usava para se apoiar e se diverte nas atividades físicas que realizam nas reuniões do GT”, comentou Luciana.

    

O JIE publicou

    

Longevidade do homem depende de mudança cultural


Pise no freio e compareça: Cipa promove palestras de conscientização sobre o trânsito
18/09/2014 | 15h53

    

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) da Itaipu promove, na próxima terça-feira (23), a partir das 8h30, no Auditório Integração, a Manhã Binacional de Conscientização sobre o Trânsito, como parte das atividades da Semana Nacional do Trânsito – celebrada de 18 a 25 de setembro.

    

Na programação estão previstas palestras sobre faixa de pedestres – tema da semana nacional deste ano –, velocidade e direção defensiva, entre outros temas.

    

Os participantes também poderão conhecer um simulador de capotamento e fazer test-drives com veículos elétricos e trekking.

     

Trecho da Trancredo Neves, próximo ao acesso da usina: faixa de trânsito é tema da semana nacional.

    

O objetivo da atividade, de acordo com a Cipa, é conscientizar empregados e colaboradores sobre os cuidados com o trânsito – tanto como motoristas como pedestres – e reduzir o número de acidentes.

     

Transporte

     

Os empregados lotados na usina poderão utilizar os ônibus circulares para ir até o Auditório Integração. Colegas do Centro Executivo poderão solicitar transporte até segunda-feira (22), pelo ramal 5513 (com Dariane).

     

Para conhecer a programação da Manhã Binacional de Conscientização sobre o Trânsito, clique em Leia Mais.


Unila pesquisa espécies de peixes na BP3. Trabalho tem o apoio da Itaipu
18/09/2014 | 15h14


A Itaipu já realiza o monitoramento de espécies desde 1977. Pesquisa da Unila irá ampliar informações.
     
O projeto de pesquisa “Diversidade e aspectos ecológicos de peixes de riachos da bacia hidrográfica do Paraná 3”, em andamento na Unila desde 2013, com o apoio da Itaipu, deverá ampliar o conhecimento sobre as espécies de peixes e sua diversidade na região. O estudo também busca entender os impactos nos peixes e no ambiente de riachos causados pelo homem e, assim, subsidiar ações de conservação das espécies.
      
Estima-se que existam cerca de seis mil espécies de peixes de água doce na região que compreende as Américas do Sul e Central, e ilhas caribenhas. No Brasil, são conhecidas aproximadamente 2.600 espécies, e cerca de 50% do total de peixes de água doce estão em riachos.
    
“No entanto, apesar da grande importância do ponto de vista ecológico, as espécies de riachos são menos estudadas em comparação com os peixes de grandes rios, que têm apelo comercial e são mais visados para prática esportiva de pesca”, explica o coordenador da pesquisa e professor de Ciências Biológicas da Unila, Luiz Henrique Garcia Pereira.
       
Essa nova iniciativa de pesquisa complementa os levantamentos de diversidade e ecologia de peixes já realizados por Itaipu no reservatório e em sua área de influência direta. Os levantamentos da biodiversidade de peixes tiveram início com o inventário da ictiofauna realizado na fase de estudos anterior à formação do reservatório, entre os anos de 1977 e 1981.
       
Desde então, a Divisão de Reservatório (MARR.CD) vem realizando atualizações destes levantamentos, além de monitorar a pesca, a migração e as áreas de desova dos peixes, em uma área de abrangência que inclui os braços dos rios Ocoí, São Vicente, São Francisco Falso, São Francisco Verdadeiro, Arroio Guaçu, Parque Nacional de Ilha Grande e Canal da Piracema. 
      
O levantamento da diversidade nos riachos da BP3 é um passo importante na ampliação do conhecimento disponível e poderá, no futuro, fornecer mais uma ferramenta para avaliar as ações de restauração ambiental promovidas pelo Programa Cultivando Água Boa.
     

Levantamento já coletou amostras de 20 espécies, em 22 riachos.
       

Para continuar a leitura, clique em Leia Mais.


CRT e sindicatos debatem salários
17/09/2014 | 15h52


Reunião na sala da RT.AD, no Escritório Central: Itaipu ficou de apresentar proposta no dia 3 de novembro.
   
Representantes de entidades sindicais e do Comitê de Relações Trabalhistas da Itaipu (CRT) se reuniram, nesta terça-feira (16), no Escritório Central, para debater as tabelas salariais das margens esquerda e direita da empresa. Durante o encontro foi aprovado, em comum acordo entre as partes, um calendário de reuniões para a continuação dos diálogos sobre o tema.
    
Em 21 de outubro haverá mais um encontro, em Foz do Iguaçu, para o acompanhamento dos trabalhos. A Itaipu assumiu o compromisso de apresentar uma proposta no dia 3 de novembro.
   


Na manhã desta quarta (19), Bardou (acima, de azul) enviou mensagem sobre a reunião aos empregados da ME.

  
“A Itaipu reafirma seu compromisso de manter um canal de diálogo aberto, franco e permanente com os sindicatos e seus empregados, a fim de manter um bom clima organizacional dentro de um ambiente de respeito para com seu corpo funcional”, disse, em mensagem enviada aos empregados via Notes, nesta quarta-feira (17), o gerente do
Comitê de Relações Trabalhistas, Adriano Bardou Martins.
   

Também participaram da reunião, como convidados, Ariel da Silveira (RH.AD), Elisabete Medeiros Ferrari (RHGM.AD), Luiz Carlos de Castro (RHGM.AD) e Rodrigo Luiz Machado Cardoso (RHGM.AD).

 
Clique aqui para acessar a memória da reunião na íntegra.
   
O JIE publicou
  
RH estabelece novo prazo para adesão ao PCR e data para definição do QQQ


PRIMEIRA ANTERIOR 1 2... PRÓXIMA ÚLTIMA