Reconhecimento: brigadistas de Curitiba recebem camisas personalizadas

Reconhecimento: brigadistas de Curitiba recebem camisas personalizadas

10h00 - 14/12/2017

Devidamente uniformizados. Fica o nosso agradecimento aos brigadistas de Curitiba!

Os colegas da Brigada de Emergência de Curitiba receberam, no último dia 5, camisas personalizadas para identificá-los em treinamentos, exercícios simulados e durante a Sipat (Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho). A data não poderia ser mais apropriada: no dia 5 de dezembro é comemorado mundialmente o “Dia do Voluntariado”, e esses 25 empregados dedicam seu tempo, voluntariamente, para preservar a integridade física dos colegas do prédio. 

Camisas serão usadas em treinamentos e na Sipat.

O coordenador da Brigada de Emergência de Curitiba, Luiz Claudio Barreto, da Divisão de Planejamento de Compras (COPC.DF), explicou que as camisetas serão uma espécie de uniforme. “Além de ser um reconhecimento pela atuação dos brigadistas, o uniforme ajudará a facilitar ainda mais a identificação deles entre os demais colaboradores da empresa”, reforça.

Ana Simone Dernis, da RHGR.AD, recebe sua camisa, entregue por Andreia Camelo. 

Entre as principais ações da Brigada de Emergência estão a organização e execução do abandono do edifício em caso de urgência, o combate a princípios de incêndio e o atendimento de primeiros-socorros.

Reconhecimento 

Os uniformes foram entregues pelos representantes da diretoria administrativa, Andreia Moreira Camelo (PC.AD) e Emerson Orsini (AS.AD). Também participou Emerson Ricardo Felichaki Maia (RHSS.AD), representando a Divisão de Engenharia de Segurança do Trabalho, localizada em Foz do Iguaçu. “A Brigada Emergencial de Curitiba é uma extensão do nosso trabalho. É uma honra poder participar deste momento de reconhecimento”, disse. 

Camisas são um pequeno reconhecimento pelo importante trabalho realizado pelos brigadistas. 

Brigadista praticamente desde que entrou na Itaipu, há pouco mais de 18 meses, Janaína Cássia Parmagnani Degraf Mateus, do Departamento de Licitações e Contratos (JDC.JD), conta que teve contato pela primeira vez com o voluntariado de Brigada no Tribunal de Justiça, onde trabalhou anteriormente. “É uma experiência que muito me honra. Estou feliz em poder receber meu uniforme na Itaipu”, reiterou.

Versão para impressão