PTI oferta oficinas para grupos de pesquisa em mobilidade

PTI oferta oficinas para grupos de pesquisa em mobilidade

08h47 - 25/10/2017

Os estudantes da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) que desenvolvem protótipos de carros e aeromodelos para competições em todo o país com o apoio do Parque Tecnológico Itaipu (PTI) vão receber novas capacitações. Com o entendimento de que planejamento e gerenciamento são habilidades essenciais para um projeto bem sucedido, a formação será viabilizada a partir do próximo mês pelo Centro de Mobilidade Elétrica Inteligente (Mob-i) e o Escritório de Gerenciamento de Projetos (EGP). 
 
Os alunos são divididos em quatro grupos de trabalho: Equipe Aero, Grupo Cataratas de Eficiência Energética (GCEE), Equipe Baja e Fórmula SAE. Quando concluem os projetos de protótipos, estes são submetidos para a participação em competições de mobilidade que ocorrem em várias cidades do Brasil. A iniciativa para ofertar o curso veio por meio da experiência da engenheira mecânica do Centre of Engineering and Product Development (CEiiA), Laura Morgenstern, que também atua no Mob-i. 
 
Durante sua graduação, Laura participou de uma capacitação que auxiliou o grupo em que estava inserida na época a melhorar o desenvolvimento de projetos. Pensando nesta vantagem extra, sugeriu recuperar a ação para incentivar os novos acadêmicos e auxiliá-los a também trabalharem em seu desempenho. “A capacitação é muito importante para desenvolver competências técnicas que irão somar ao conhecimento teórico adquirido em sala de aula. Eles irão aprender a utilizar ferramentas de gestão para trabalhar dentro dos próprios grupos”, avaliou Laura.
 
Para a analista de projetos do Mob-i, Ana Oliveira, participar da capacitação também pode agregar à experiência profissional dos jovens. “Os alunos possuem uma experiência teórica muito forte, proporcionada pelos professores dos cursos. No entanto, questões comportamentais como trabalhar em equipe, utilizar ferramentas de gestão, trabalhar com stakeholders e riscos, são importantes para levar adiante o projeto que estão executando, e aprimorar competências técnicas para depois serem utilizadas no mercado de trabalho”, ressaltou.
 
O workshop foi recebido como uma oportunidade muito válida para todos os grupos, conforme comentou Eduardo Camilo Marques de Andrade, acadêmico do quarto ano de Engenharia Mecânica da Unioeste. “É importante para organizarmos nosso projeto, especialmente a longo prazo. Hoje temos nosso desempenho voltado apenas para a competição anual; com a proposta da capacitação, faremos não somente um planejamento mais certeiro para o próximo ano, mas visando também os próximos cinco”, completou.
 
Cronograma
 
A oficina de capacitação será dividida em módulos. No dia 6 de novembro, os alunos ingressam o Módulo I, com o curso EAD (Educação à Distância) em Fundamentos de Gerenciamento de Projetos. Esta atividade, totalmente on-line, expõe fundamentos teóricos básicos de gerenciamento de projetos, e segue até o dia 6 de dezembro. "Com a formação, busca-se contribuir para a elevação da cultura de gerenciamento de projetos na região, pois acreditamos que, com a utilização de práticas consolidadas, as instituições podem melhorar o índice de sucesso de seus projetos”, aponta Andrea Pavei Schmoeller, gerente do EGP.
 
Paralelamente, tem início no dia 21 de novembro o Módulo II, sobre Planejamento Estratégico. Ministrado pelo administrador Haralan Mucellini, colaborador da Itaipu Binacional, a atividade será dividida em duas etapas: um encontro com lideranças dos grupos (alunos-chaves e professores), para apresentação de um panorama geral dos conceitos acerca do planejamento estratégico, e alinhamento das expectativas em relação à oficina de planejamento. No dia 24 de novembro, ocorre o workshop de planejamento estratégico com os grupos.
 
No dia 6 de dezembro ocorre o Módulo III – Estruturação do projeto em canvas. Organizado pela equipe do EGP, a oficina permitirá aos grupos de pesquisa que estruturem um canvas do projeto com base no que aprenderam nos módulos anteriores. Por fim, no dia 12 de dezembro, ocorre o Módulo IV – Orientação do Plano de Gerenciamento, para dar suporte aos grupos no detalhamento do canvas já estruturado e composição de um novo cronograma para o próximo ano, já dividindo as atividades entre os alunos.

Fonte: PTI

Versão para impressão