PTI investe na valorização de professores municipais

PTI investe na valorização de professores municipais

08h25 - 12/04/2018

Fonte: PTI

O Núcleo de Tecnologia Educacional Municipal (NTM) é um programa do governo federal que existe em vários municípios brasileiros. Em Foz do Iguaçu, funciona dentro do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), por meio de uma parceria entre o Parque e a Prefeitura, com o objetivo de oferecer cursos de formação que incentivem, motivem e capacitem o professor da rede municipal na prática de suas atividades em sala de aula.
 
No município, o programa foi criado em 2009 e, desde então, atende grupos de professores municipais da educação infantil, da especial e da fundamental, com formações que discutem as dificuldades encontradas por eles com os conteúdos pedagógicos e que apontem novas perspectivas para a profissão.
 
As formações ocorrem semanalmente, nas salas do PTI, reunindo professores por grupos, dependendo da escolha de cada um pelo tema das formações. Conforme o curso, a formação pode ser concluída em um único dia, e outras se estendem por várias semanas. Todas as capacitações recebem o certificado do Ministério da Educação (MEC), o que valida o currículo profissional de cada docente que participa das formações.
 
Assuntos como o Plano Municipal de Educação, qualidade no ensino do primeiro ao quinto ano, projeto Horta Mandala, linguagem oral e escrita, educação específica em artes, ciências, geografia, educação física e outras, são exemplos de formações que já ocorreram no NTM e capacitaram centenas de professores da rede municipal de Foz. Só em 2017, o Núcleo realizou 105 formações com grupos de docentes. De 2009 a 2017, entre formações, orientações, seminários e palestras, somam 28.345 atendimentos.
 
Para a coordenadora do NTM em Foz do Iguaçu, Lija Morales, as formações são oportunidade de integração, de atualização profissional e discussão de diferentes ferramentas pedagógicas para o ensino público. “É importante ressaltar que estamos num crescente, ano a ano, com mais atendimentos prestados em formação, em seminários ou palestras, e isso se dá em razão da nossa estrutura ofertada aqui no Parque. Estamos nos restruturando cada vez mais e sentimos o interesse e o engajamento dos professores na participação efetiva nos cursos que oferecemos. Por isso, somos um Polo de formação continuada para a progressão e referência para a educação municipal de outros municípios”.
 
Professora da rede municipal de Foz há 23 anos, Maria Emília dos Santos Oliveira, docente do terceiro ano na escola municipal Elenice Milhorança, se diz muito satisfeita com as formações que fez até agora pelo NTM. “Já participei de vários cursos de formação e considero muito válido, porque, para nós professores, é uma oportunidade de nos sentirmos pertencentes a toda rede municipal, discutindo de perto com os diretores da Secretaria Municipal de Educação nossas dificuldades e as possibilidades de enfrentar os problemas. É uma oportunidade de acrescentar no processo educativo do município”, avalia.
 
As próximas formações previstas para este ano incluem temas que serão abordados pelo projeto Estação Ciências do PTI, sobre os desafios e possibilidades do ensino por investigação, e cursos sobre a neurociência e os processos educativos.
 
Para inscrições nos cursos de formação e programação de novos atendimentos para 2018, o NTM funciona no bloco 8 do Parque Tecnológico Itaipu e atende pelo endereço eletrônico: ead.pti.org.br/ntm ou pelo telefone: (45) 35767458.

Versão para impressão